Olá,

Recebi por e-mail um pedido muito especial! A mamãe Alessandra está em busca de uma maneira fácil de fazer uma fantasia de milho para seu filhote, então fui em busca de referências para auxiliar e encontrei uma forma muito fácil.

Fantasia milho

Materiais:

Camiseta verde;

Feltro verde –  no mesmo tom da camiseta;

Linha verde e agulha ou cola quente;

Barbante ou linhas rústicas semelhantes a palha (ráfia);

Tinta Spray  Amarelo;

Plástico bolha ou caixas de ovos.

(mais…)

Posts Relacionados

Durante a gravidez diversas mudanças ocorrem em todos os órgãos, e na pele isso não é diferente. As grávidas apresentam algumas modificações comuns nesse período e que são na maioria das vezes transitórias.gestante-passando-creme-em-sua-barriga-foto-piotr-marcinskishutterstock-000000000000CE82

Escurecimento da pele e das mucosas

Pode ocorrer em aproximadamente 90% das mulheres, principalmente nas morenas e negras e se inicia precocemente na gravidez. As áreas mais afetadas são aréolas mamárias, região genital, axilas, linha alba (foto) e pescoço.

O aumento dos níveis de hormônios como estrogênio, progesterona e hormônio melanocítico-estimulante é o principal fator que resulta na pigmentação dessas áreas.

A mancha no rosto, conhecida como mancha gravídicas ou melasma, chega a acontecer em quase metade das mulheres. Além dos hormônios, outros fatores estão envolvidos, como predisposição genética, cor da pele (morena e negra) e exposição ao sol. As manchas costumam surgir após o terceiro mês de gravidez e pioram até o término da gestação, mas tendem a melhorar após o parto. É importante usar sempre filtro solar e se proteger do sol.

As pintas também podem escurecer e aumentar de tamanho neste período. Portanto, a grávida apresenta muitas pintas ou se elas se modificarem durante este período, é recomendado procurar um dermatologista.

Alterações das glândulas

As glândulas sebáceas (produtoras de sebo) que estão localizadas nas aréolas mamárias apresentam aumento de tamanho e deixam a superfície desta região irregular, com algumas saliências de cor amarelada ou castanha. Após o parto isto se normaliza.

As glândulas produtoras de suor também ficam mais ativas neste período, levando a uma maior transpiração no corpo todo.

 Estrias

São muito frequentes e ocorrem principalmente no final da gestação, devido ao estiramento da pele pelo crescimento do abdome e ganho de peso. Predisposição genética, alterações hormonais, falta de atividade física e alimentação inadequada resultam em ganho de peso desproporcional, favorecendo o surgimento das estrias. É importante usar creme hidratante neste período para diminuir a chance delas aparecerem.

 Alterações dos vasos

As varizes ocorrem com frequência devido ao aumento da pressão dentro dos vasos. Isso ocorre principalmente pela compressão de vasos importantes na circulação pelo útero aumentado de tamanho. Elas surgem nas pernas e também no ânus – nesta região ela é chamada de hemorroida. O uso de meia elástica e repouso podem ajudar a prevenir ou melhorar este problema.

Vermelhidão no rosto e nas palmas das mãos também pode ocorrer devido ao aumento da circulação nestes locais e normaliza após o parto.

 Inchaço

O inchaço do rosto, nos braços e nas pernas deve-se à maior retenção de água e sódio, por alterações na circulação e pela compressão de vasos importantes pelo aumento de tamanho do útero.

 Cabelos

Durante a gravidez os cabelos ficam mais bonitos e mais cheios. É considerado normal para uma mulher não grávida uma queda em torno de 100 fios por dia, mas na grávida, por razões hormonais, essa queda não ocorre.

Unhas

O enfraquecimento das unhas também é comum, deixando-as mais finas, com manchas esbranquiçadas e fáceis de lascar ou quebrar. Após o parto voltam ao normal.

Posts Relacionados

Os cuidados bucais devem começar bem cedo na vida. Enganados estão os pais que acham que os dentes de leite, conhecidos como dentes decíduos, não precisam de cuidados por não serem permanentes. São justamente os decíduos que guiam o nascimento dos dentes permanentes. Eles abrem espaço para a dentição definitiva. Além do mais, eles são essenciais para uma boa mastigação e para a fala.

sorriso bebe

Os primeiros dentes começam a nascer por volta do sexto mês de vida, mas os cuidados com a higiene devem começar antes. Após a amamentação noturna é recomendada uma limpeza com gaze ou uma fralda limpa na gengiva. Quando começam a nascer os dentinhos, a gaze pode ser substituída por uma dedeira (escova que os pais podem usar encaixada no dedo). A dedeira facilita a limpeza por ser menor que a escova.

A deglutição do flúor pela criança pode causar danos aos dentes permanentes em formação. Somente um dentista pode indicar com segurança o creme dental recomendado para cada fase. Os cremes dentais fluoretados devem ser introduzidos somente após os 4 anos de idade e sob orientação de um adulto para que a criança não engula a pasta de dente ou espuma dental.

A cárie de mamadeira (cárie agressiva, de rápida evolução e que provoca muita dor) é um problema muito sério e atinge cerca de 60% das crianças até 3 anos. Essa condição se desenvolve pelo hábito de deixar a criança dormir assim que termina de mamar no peito ou mamadeira. O ideal é que a higiene seja feita mesmo que a criança pegue no sono. Com cuidado, para que ela não acorde, mas jamais deixar de ser feita.

A saliva tem uma ação protetora nos dentes e ajuda a manter a boca limpa. Entretanto, durante o sono, a quantidade de saliva diminui, favorecendo a rápida instalação de cáries. A cárie de mamadeira provoca muita dor e ataca todos os dentes da criança em um curto espaço de tempo, provocando mau hálito, deficiência na mastigação e na fala, além de proporcionar uma estética feia.

bebe higiene

Os pais devem ficar atentos e observar o aparecimento de manchas brancas opacas nos dentinhos dos filhos e, em caso positivo, levar imediatamente ao dentista. Essa manchinha é o início da cárie. O uso de açúcar em papinhas ou mamadeiras deve ser evitado ao máximo.

A cárie é uma doença infecciosa causada por bactéria, portanto, é muito importante que os pais EVITEM:
. assoprar a comida da criança
. compartilhar talheres
. beijar a criança na boca

Quando a criança adquire a bactéria da cárie dos pais, ela se torna portadora da mesma e, ao menor descuido, a doença irá se desenvolver.

Fonte:
Clínica Dr. Paulo Coelho Andrade
Av. Bandeirantes, 466 – Mangabeiras
Belo Horizonte – MG
(31) 3227-7076

Posts Relacionados

Nesta sexta-feira é comemorado em todo o mundo o Halloween e você ainda não sabe que fantasia irá fazer para o seu filhote? Para lhe ajudar separei alguns vídeos com algumas valiosas dicas para fazer toda a produção em casa e sem gastar muito!

Borboleta e Pinguim

(mais…)

Posts Relacionados

Que a boa alimentação é fundamental para obtermos uma vida saudável, isso nós já sabemos. Mas e as crianças? Como convencê-las que aquele alimento é melhor que o outro. E os pais? Como saber o momento exato de introduzir tal comida no cardápio do seu filho? E o leite materno? Ele é mesmo importante para a saúde do bebê? As questões são simples. Possuir práticas alimentares positivas durante a infância colabora com o desenvolvimento do indivíduo e auxilia no combate à diversas doenças.

alimentação_infantil1

Segundo a nutricionista credenciada da Paraná Clínicas Planos de Saúde Empresariais, Dagmárcia Neuza David, os pais não devem desistir de oferecer um determinado alimento para seus filhos, caso eles não aceitem. “Se a criança recusar o alimento, os pais devem oferecer novamente, em outras refeições. Vale lembrar, que são necessárias, em média, oito a 10 exposições a um novo alimento para que ele seja aceito pela criança.”, explica Dagmárcia.

Moldar um indivíduo para que ele tenha uma vida saudável não é um papel fácil, em meio a tantas comidas rápidas, rotina e tentativa de praticidade. No entanto, é extremamente necessário que o adulto saiba ponderar o que é ou não fundamental. O leite materno, por exemplo, fornece uma série de fatores de proteção contra infecções comuns na infância. Segundo a nutricionista, a desnutrição no início da vida afeta não apenas o desenvolvimento cerebral, crescimento e composição corporal, mas também a programação metabólica com impacto sobre doenças crônicas do adulto.

Já entre os quatro e seis meses, recomenda-se que sejam introduzidos alimentos pastosos no cardápio do bebê. Aos nove, aparecem os primeiros dentinhos nos pequenos, sinal de que comidas sólidas já podem ser ingeridas normalmente. Carne desfiada, arroz, feijão e legumes amassados, são algumas das opções. E a nutricionista avisa: “A criança que come desde cedo, frutas, verduras e legumes variados recebe maiores quantidades de vitamina, ferro e fibras, além de adquirir hábitos alimentares saudáveis***”. Vale lembrar que alimentos de origem animal, ricos em ferro, frutas e vegetais, repletos de vitamina A, são de grande importância para o desenvolvimento infantil.

alimentacao-infantil-saudavel-1

Mas e se a questão é reeducar a alimentação? Segundo Dagmárcia, estima-se que o número de crianças obesas no Brasil tenha aumentado cinco vezes nos últimos 20 anos. Doenças ligadas à má alimentação também se fazem presentes. Falta de atenção na escola, ansiedade, depressão e irritabilidade, são alguns exemplos. Manter uma dieta rica em frutas, legumes e vegetais auxiliam na sensação de bem-estar, além de serem extremamente saudáveis. É importante saber que as práticas da família encorajam a criança a seguir o exemplo.

Fonte: Paraná Clínicas Planos de Saúde Empresariais

Posts Relacionados

Olá mamães!

Quando planejamos qualquer mudança na decoração do quarto dos filhotes ficamos na dúvida sobre qual será melhor opção para deixar as paredes sempre bonitas, já que as tintas com o tempo ficam marcadas com pequenas mãozinhas…

E a solução para resolver essa questão é super simples: aplicar tecidos! Além de deixar as paredes super bonitas é super fácil limpar..

Posts Relacionados

Bom dia a todos…

Me desculpem pela ausência, mas sofri um acidente de moto e fiquei impossibilitada de atualizar o blog por mais de 1 mês. Mas agora estou de volta e em breve teremos novidades.

Um beijo a todos!

Posts Relacionados

O primeiro Dia das Mães

Este vídeo é para todas as mães que assim como eu estão vivenciando pela primeira vez o Dia das Mães. É uma fase que nos deixa extremamente emocionadas pois é tudo novo…cada data comemorativa, cada aniversário, cada fase dessa vida que está apenas começando.

Quando vi esse vídeo, fiquei extremamente emocionada, pois me visualizei no lugar daquela mãe. Então, vamos  como fazer que todos os dias das Mães seja como o primeiro: cheio de emoção.

Feliz dia das Mães!!!

Posts Relacionados

Por Fran Zanatta - 2014 - Todos os Direitos Reservados


Layout & Programação por Juliana Fonseca